Buscar
  • CBME

Mindful Eating e sustentabilidade

Um dos principais objetivos da prática de Mindful Eating é promover uma relação de paz com a comida, mas também é interessante refletirmos se nossa comida está em paz com o mundo. Nossas escolhas alimentares não refletem apenas em nossa saúde, mas também afetam o planeta, as outras pessoas e os outros seres que nele coabitam.


Associar o Mindful Eating à sustentabilidade é trazer a atenção plena para todos os outros aspectos da comida que muitas vezes não podem ser percebidos simplesmente ao saboreá-la. É trazer a consciência para a história, como aquele alimento chegou até o prato e qual o impacto de sua produção e distribuição para o meio ambiente e para as pessoas envolvidas nestes processos.


É trazer um olhar compassivo sobre a saúde e bem estar de todos aqueles envolvidos: para as condições de trabalho do produtor, justiça social e economia da comunidade.

Trazer também o olhar compassivo para a forma como a produção e distribuição afetam a saúde do nosso planeta, a integridade dos recursos naturais e biodiversidade: entender sobre o uso de substâncias químicas que poluem o solo e mananciais aquíferos, consumo de combustíveis fósseis não renováveis, desmatamento, emissão de poluentes, geração de lixo.


É, através da consciência, refletir sobre quais práticas mais sustentáveis podemos trazer para a nossa realidade. Veja algumas sugestões:

· Conheça e valorize produtores locais, note como os produtos são mais frescos e saborosos!

· Prefira produtos provenientes de agricultura orgânica e agroecológica, observe como a natureza é perfeita quando está em equilíbrio!

· Plante seu próprio alimento, sinta como é gratificante!

· Busque conhecimento sobre PANC (Plantas Alimentícias Não Convencionais), veja como é interessante e curioso!

· Aproveite integralmente os alimentos para reduzir o desperdício, explore as possibilidades!

· Reduza o lixo associado ao excesso de embalagens, perceba como é possível simplificar!

· Convide-se ao olhar curioso do consumo de carnes e alimentos de origem animal, aproveite para descobrir novos sabores!


Lynn Rossy, criadora do protocolo Eat For Life, cunhou o termo Conhecedor Consciente – aquele que considera todas essas questões, desde os aspectos sensoriais e sensações corporais provocadas pelo alimento até seu impacto no planeta. Segundo ela, estar consciente de todos os aspectos da comida e ter profundo conhecimento sobre a mesma pode simultaneamente aumentar o prazer em comer e os benefícios para a saúde enquanto vivemos em harmonia com o mundo.


Nossas escolhas alimentares refletem nossos valores pessoais, sociais, ambientais, políticos e espirituais.


]Entretanto, é importante notar qualquer tendência em transformar esses valores em regras sobre as quais podemos sentir culpa ao quebrar.

Para que fique claro pra você, reflita e perceba: qual o sentido real de tudo isso em sua vida? Como te faz sentir? Como afeta o seu prazer em comer?

Se sua decisão for resultado de uma reflexão genuína e faz sentido pra você, se essa decisão vem de dentro e se está acompanhada de compaixão e autocompaixão, então sim, você está praticando Mindful Eating.

Lembre-se que cada atitude importa, e que progresso vale muito mais do que a busca pela perfeição!


Texto da querida Tainá Gaspar @nutritainagaspar


Diretora do CBME responsável Driele Quinhoneiro @nutricionistadrielequinho





31 visualizações

Centro Brasileiro de Mindful Eating

Mindful Eating Brasil

Um resgate a consciência ao comer e ao amor pela comida