• CBME

Saborear para ser feliz

Atualizado: Mai 20



Comer preenche uma necessidade real em nossos corpos e faz parte do processo evolutivo para nos sentirmos bem. No entanto, por muitas razões da vida contemporânea podemos ultrapassar os limites razoáveis do nosso corpo e deixamos de ter uma alimentação que nutra com harmonia nosso corpo e mente e diminua o papel da comida em nossa felicidade.

Para mergulhar em uma outra forma de comer, convido você para uma atividade muito fácil para praticar, porém desafia os nossos hábitos corriqueiros e automáticos: saborear a comida.


Saborear a comida integra o resgate das nossas habilidades esquecidas na prática do Comer com Atenção Plena. E na sua aparente obviedade de sentir o sabor, é possível ampliar esta experiência, enriquecendo nossa memória, e trazer mais equilíbrio entre o prazer momentâneo e uma nutrição genuína do corpo e da mente

Seja sozinho ou na mesa com os amigos e família, alguns passos podem te ajudar a encontrar ainda mais alegria ao comer:


1. Aguardar sua fome. É ingrediente especial. Mas atenção, aquela fome de leão já põe todas as suas intenções de saborear e estar mais consciente, água abaixo. Ficar com muita fome é um cenário para escolhas pouco favoráveis e nos leva a comer demais, o que não contribui para nos sentirmos bem.


2.Sentir antes de escolher. Experimente deixar de lado as regras nutricionais e, em vez disso, sinta/reflita o que será bom e fará você se sentir bem. Confie no seu corpo.


3. Sentir a sua respiração, o peso do corpo a cadeira e deixar todos os sentidos receptivos, atentos.


4. Comece apreciando o aroma e a aparência da comida e, ao mesmo tempo, reconhecendo o que foi necessário para levar a comida ao prato ou à mão. Essa pausa antes de comer, estimula a antecipação, que, quando você finalmente dá uma mordida, pode oferecer grande retorno em termos de prazer.

Em seguida, coma devagar para experimentar a comida completamente e observe mais facilmente quando estiver satisfeito. Em vez de se forçar a desacelerar, ou mesmo contar mordidas. Saborear sua comida, automaticamente diminui o ritmo da mastigação. Não é algo que temos que fazer, mas que fazemos para sentir o prazer. E isso faz toda a diferença para nossa felicidade. E a felicidade é grande aliada da saúde, do nosso viver bem.


Texto da @katiuscia.nutricionista

Diretora do CBME responsável @nutricionistadrielequinho

0 visualização

Centro Brasileiro de Mindful Eating

Mindful Eating Brasil

Um resgate a consciência ao comer e ao amor pela comida